BR 116, n.º 1530 Atuba, Colombo, PR
41 3675.6469 / 9700.6336
Outros estados 0800.704.6469
atendimento@lonasalvorada.com.br
Vendas: vendas@lonasalvorada.com.br

Um pouco mais sobre Policarbonato

Policarbonato (PC) é um tipo de plástico – mais especificamente um termoplástico. O termoplástico é um polímero (nome técnico dos plásticos) que a uma dada temperatura apresenta alta capacidade de ser conformado e moldado.

Para uso na arquitetura, o policarbonato tem especialmente como característica sua translucidez e em alguns tipos, alto nível de transparência e alta resistência mecânica e ao impacto, ou seja, apoiando-se peso ou atirando-se algum material pesado (obviamente existem limites), o material resiste bem, de forma geral, melhor do que um vidro de espessura padrão. Porém, a qualidade de transparência é mais evidente nos vidros.

Essa comparação com o vidro é feita pelos fabricantes de policarbonato pois os dois materiais (vidro e policarbonato) são opções concorrentes na especificação para toldos, coberturas e fachadas onde se deseja a passagem de luz. No entanto, são opções com suas respectivas vantagens e desvantagens, o que acreditamos não desmerecer nenhum dos dois materiais.

Como todos sabemos, os raios solares são muito agressivos para envelhecer ou estragar os objetos. Desta forma, os materiais usados em áreas externas são muito agredidos pelos raios solares. Sendo assim, as empresas fabricam placas de policarbonato com camadas de proteção contra os raios UV (Ultra Violeta são os raios que causam o envelhecimento dos materiais, diminuindo sua vída útil), isso evita o amarelamento do material, garantindo suas características originais por mais tempo. Algumas placas também possuemproteção aos raios IV (Infra Vermelho, que são os raios responsáveis pelo calor), evitando a entrada de muito calor, apesar de permitir a passagem de luz (os raios visíveis – VS).

Uma outra característica das placas de policarbonato é a possibilidade de serem levemente curvadas, mesmo a frio. Devido às características do material, do tamanho e espessuras das placas, é possível essa curvatura, o que permite certa flexibilidade na criação dos formatos de cobertura.

TIPOS ENCONTRADOS NO MERCADO

Dois tipos básicos são encontrados no mercado: as placas maciças e as alveolares.

As placas maciças são semelhantes ao vidro, porém com maior resistência ao impacto. Também, em comparação com os vidros, são mais leves. A leveza é uma boa característica quando se trata de colaborar com a diminuição do peso próprio dos edifícios e mesmo para facilitar o processo de execução (transporte e manuseio).

As placas alveolares possuem várias pequenas cavidades internas (alvéolos), que acompanham todo o comprimento das placas.

O uso do policarbonato é bem variado. Pode ser aplicado em coberturas e fachadas, toldos de portas e janelas, em biombos e divisórias internas, abrigo para carros, coberturas de passarelas e pontos de ônibus, gazebos, estufas, piscinas e vários outros.

Fonte: Materialidade

Comentários estão fechados.